Wordpress, Prestashop, Joomla e Drupal Grátis

Curiosidades sobre os números na música

Curiosidades sobre os números na música

                                            Resultado de imagem para imagens dos numeros na música

 

Segundo o pitagorismo, a essência, que é o princípio fundamental que forma todas as coisas é o número. Os pitagóricos não distinguem forma, lei, e substância, considerando o número o elo entre todos estes elementos. Para esta escola existiam apenas quatro elementos: terra, água, ar e fogo. Representado pelos números 1,2,3 e 4 que é a soma do número 10;Exemplo:1+2+3+4=10,chamado pelos pitagóricos de tetraktys, tétrada em português. Assim, Pitágoras e os pitagóricos investigaram as relações matemáticas e descobriram vários fundamentos da física e da matemática. Para Pitágoras, como vimos o número dez era o mais iPara Para Pitágoras, como vimos o número dez era o mais importante, pois o Número Um representava Deus como está escrito no primeiro versículo do Capítulo 1, do Gênesis, diz:

Gen. I,1- “No princípio Deus criou os céus e a Terra” isto significa que a CAUSA sem CAUSA (Deus) se manifesta agora, tornando-se,

através de Sua criação (o céu e a terra), compreensível, palpável e capaz de ser entendido como uma forma real da qual advirão todas as outras formas.

O Zero, representava que Deus veio do Nada, diz, o Versículo 2, do Capítulo I, do Livro Gênesis, o seguinte: Gen.: I, 2 - “A terra porém era sem forma e vazia: havia trevas sobre a face do abismo, e o Espírito de Deus pairava sobre as águas” Assim, o NADA não era um vazio absoluto. Nele já existia o Espírito de Deus que ainda não se manifestara. Conclui-se, pois, que o NADA, ou seja o Espaço preenchido pelo Espírito de Deus , do Livro Gênesis, o seguinte: Gen.: I, 2 - “A terra porém era sem forma e vazia: havia trevas sobre a face do abismo, e o Espírito de Deus pairava sobre as águas” Assim, o NADA não era um vazio absoluto. Nele já existia o Espírito de Deus que ainda não se manifestara. Conclui-se, pois, que o NADA, ou seja o Espaço preenchido pelo Espírito de Deus.

Os Pitagóricos foram os únicos até Aristóteles a fundamentar cientificamente a música, começando a desenvolvê-la e tornando-se aqueles mais preocupados por este assunto. Pitágoras teria esticado uma corda musical que produzia um determinado som que tomou como fundamental, o tom (o número 1),depois ele dividiu a corda na metade do comprimento da corda 1/2 e observou que se produzia a oitava, depôs dividiu 3/4 do comprimento da corda e percebeu que resultava a quarta, depois dividiu o correspondente a 2/3 do comprimento da corda e percebeu que se resultava na quinta.

Assim as fracções 1/2, 3/4, 2/3 correspondiam à oitava, à quarta e à quinta.

A raiz quadrada de 10 é 3,1622776=34

3+4=7(notas musicais)

3x4=12(escala cromática)

34+7=41+12=53(número de comas da escala pitagórica)

5+3=8(oitava)

A escala geral tem 97 sons. A raiz quadrada de 97 é:9,8488578=57

5+7=12(escala cromática)

A raiz quadrada de 12 é:3,4641016=25

2+5=7(notas musicais)

O 9 é o número de sons que temos nas três tríades principais de uma escala: tônica,subdominante e dominante.

Em resumo, vejamos alguns casos e fatos onde o número 7 aparece.

7 são as vidas do gato e 7 são os pecados capitais: Avareza, Soberba, Gula, Ira, Luxúria, Preguiça e Inveja.

Eram 7 as transas do cabelo de Sansão.

São 7 os algarismos romanos: I, V, X, L, C, D e M. Com essas sete letras é possível escrever qualquer número.

São 7 os continentes da Terra e 7 são os mares.

Observamos que cada fase da Lua dura 7 dias. Por isso, a semana tem 7 dias.

Todos os sons obtidos na natureza ou obtidos artificialmente, em computadores, são compostos apenas de 7 tons e seus respectivos semitons. São 7 as notas musicais: dó, ré, mi, fá, sol, lá, si. Os demais sons são chamados de semitons bemóis e sustenidos. Significa que a música só se harmoniza com a existência de 7 tons e as subdivisões de cada tom e semitom. As músicas tocadas e cantadas em todo o Universo são baseadas nesses 7 tons musicais e seus semitons. Os cientistas já modificaram e criaram partículas artificiais na eletrosfera dos átomos, mas não conseguiram aumentar o número de camadas, que são 7. Também, na música ainda não conseguiram formar uma oitava, de forma que ela emita um tom diferente dos tons já existentes.

Na composição do átomo, podem existir até 7 níveis de energia. Ou seja, ao redor do núcleo de qualquer átomo (a eletrosfera) só pode haver no máximo 7 camadas de energia ou sete camadas de elétrons.