ARTIGO=O MAESTRO MAIS CARRANCUDO DO MUNDO

ARTIGO=O MAESTRO MAIS CARRANCUDO DO MUNDO

                               

O cearense Eleazar de Carvalho (1912-1996) entrou na música por acaso.Quando entrou para a escola de aprendizes-marinheiros, a comida era muito ruim, porém a comida dos garotos da banda de música era muito melhor melhor. Passou dez anos de sua vida tocando em bandas da Marinha do Brasil.La na Banda me chamavam de sargentão, reconhecia o maestro, que parava um ensaio concerto para dar bronca em algum músico. No Instituto Nacional de Música, diplomou-se em todas as especialidades. Aos 34 anos segue para os EUA: “Quero reger uma das três grandes dizia: Boston, Filadélfia ou Nova York.” Regeu as três, além das Filarmônicas de Berlim e Londres. Foi professor de Zubin Mehta, Cláudio Abbado e Seiji Ozawa, três dos maiores regentes do planeta. O carrancudo maestro também apostava na vanguarda. Em 1972 regeu a peça Santos Football Music, de Gilberto Mendes, que misturava narração de futebol com orquestra. No final, uma bola era arremessada dos bastidores. Eleazar cabeceava certeiro encerrando a música.De uma personalidade forte e sempre de mau humor, foi considerado pela crítica mundial como um dos maiores maestros de todos os tempos.

Abaixo vídeo da 1ª parte da obra Santos Football Music interpretada pela Orquestra Sinfônica de Santos, sob a regência de Luiz Gustavo Petri, com alguns trechos da estreia em Varsóvia pelo maestro Eleazar de Carvalho.